.

.

sábado, 9 de junho de 2018

Obrigado, 96!

Não faço parte mais da 96 FM Arapiraca. Em uma conversa proveitosa com o empresário Marcelino Alexandre, foi-me comunicado que a empresa não teria condições de me manter, em vista de o esporte, em Arapiraca, está devagar quase parando. Já esperava por isso, visto que o mundo é capitalista e uma empresa precisa, sempre, dar lucro, uma vez que não é uma casa de assistência social. O Administrador tem que  ponderar  o custo/benefício, a receita sobre a despesa etc. 


Momento especial, em Natal, pela 96


Saio grato à empresa e aos donos, visto que sempre fui muito bem tratado e me considerei parte efetiva da casa. Afirmo sem medo de errar que a 96 é um excelente local para trabalhar, principalmente no que se refere a linha editorial, onde cada um tem liberdade para expressar o que pensa, fato que considero fundamental no jornalismo.

Atenção fofoqueiros de plantão! Não houve nenhuma rusga na minha saída. Tudo foi feito amigavelmente e o respeito mútuo continua acontecendo entre as partes. Só me resta dizer: obrigado, 96!