.

.

quarta-feira, 27 de março de 2019

CBN agrada

Muito bom o final de jornada-esportiva da CBN/MCZ. A equipe não fala apenas do jogo que terminou. Aborda outros assuntos de relevância para o esporte e, em especial, para a torcida do time que acabou de disputar a partida.


Marca CBN fortalecida em Maceió


Comentários inteligentes, assuntos intrigantes e opiniões sérias são tratados com bom humor pelos integrantes da equipe, o que faz com que os últimos momentos não fiquem aburridos. Gostei do que ouvi. Continuem nesta toada pois estão no caminho certo. Parabéns!

sexta-feira, 22 de março de 2019

Jairo Campos em dose dupla

O gabarito do radialista Jairo Campos está posto, na Novo Nordeste/Arapiraca, em dois momentos. Às 9h, no Show do Jairo, e às 13h, no Alerta Geral, onde comanda uma grande equipe de repórteres, que cascavilham o mundo policial de Arapiraca e região. 


Jairo Campos


Não é exagero afirmar que Campos é um dos mais completos comunicadores de Alagoas. Faz polícia, geral, musical, opina e comanda uma jornada-esportiva como poucos. Parabéns!

Quantia e quantidade são coisas diferentes

A confusão anda grande quando o assunto são os substantivos "quantia" e "quantidade". Ainda hoje escutei a frase: "A quantia de jogos que disputou...". Vamos, então, botar ordem na casa.


Termos têm significados diferentes


O substantivo feminino quantia é de uso exclusivo quando nos referimos a dinheiro. Não pode haver quantia de jogadores, quantia de jogos etc. Ao falarmos quantia já está explícito que estamos nos referindo a dinheiro, daí ser errado dizer que "O carro custou uma grande quantia em dinheiro". Basta dizer que "O carro custou uma grande quantia" e pronto. Já está entendido que se está falando em moeda. "Quantia em dinheiro" é o mesmo que "subiu para cima", "desceu para baixo", "entrou para dentro", "saiu para fora" etc.

quantidade, por sua vez, exprime uma grandeza, em número. Por exemplo: "Uma grande quantidade de peixes foi encontrada morta no Rio da Prata."; "Jânio coleciona uma grande quantidade de multas por excesso de velocidade.".

Pronto. Tá explicado. Agora só faz confusão quem quiser. Fica a dica. Muito cuidado para não cometer uma grande quantidade de erros na hora de falar!

Nelson Rodrigues x Heider Silveira

Depois de morto, o ex-Presidente da Federação Alagoana de Futebol Heider Silveira passa a condição de "usurpador" de conteúdo intelectual. É que a famosa "Toda unanimidade é burra", tem sido atribuída a ele. O irrequieto Heidinho deve estar se mexendo no túmulo e gritando aos céus: "Eu nunca disse isso.".


A propriedade intelectual da frase é de NR


Na verdade o autor da contundente afirmação é o polêmico Nelson Rodrigues, que também sapecou outras tantas.

  • Invejo a burrice, porque é eterna.
  • Muitas vezes é a falta de caráter que decide uma partida.
  • Não existe família sem adúltera.

Queimando a língua

É preciso cuidado antes de soltar o verbo
 
 
Virou lugar-comum em uma emissora de rádio do interior do Piauí, a frase "E agora vamos chamarmos com as notícias do Altos, o repórter fulano de tal". A colocação agride a língua culta. Quando temos dois verbos, como no caso acima, apenas o primeiro é flexionado, portanto, o âncora deveria dizer "E agora vamos chamar o repórter fulano de tal".
 
Alguns exemplos para ajudar a compreensão.
 
  • Doze governadores no Brasil vão investir nas redes sociais 
  • Agora vamos passar ao segundo ponto do encontro
  • Vamos nos reunir com o Presidente da Acea

Em tempo. O único verbo que admite o uso do plural em um ou outro verbo nesse tipo de locução é o PARECER.

Eles parecem estar cansados.
Eles parece estarem cansados.
Com todos os outros verbos, havendo a possibilidade de usar o plural, apenas o primeiro é flexionado.

Bom, depois das dicas, é provável que a mensagem chegue ao quente Piauí e que o apresentador melhore a comunicação. Sem pedantismo e vontade de demonstrar conhecimento. Apenas o desejo de contribuir com a melhoria de todos, afinal, como dizia Sócrates, "O que sei é que nada sei.".

quinta-feira, 21 de março de 2019

CRB encurta caminho para a final do Alagoano

 
Ferrugem brilhou na vitória do CRB (Foto: Ailton Cruz/GA)

Depois da vitória por 3x2 do CRB sobre o Jaciobá, na noite dessa quarta, 20, no Gerson Amaral, em Coruripe, em partida válida pela semifinal do Alagoano de Futebol Profissional,  o Regatas coloca um pé na final da competição. Agora, na partida de volta, até uma derrota por um gol de diferença dá a classificação ao CRB pelo fato de ter feito melhor campanha que o adversário  na Fase Inicial. O jogo de volta será   na próxima quarta, 27, no Trapichão, em Maceió.

quarta-feira, 20 de março de 2019

Lista dos sobreviventes

Campeonato de Alagoas ficou abaixo da expectativa


Vamos combinar! Em um campeonato fraco tecnicamente como está sendo o Alagoano de Futebol Profissional deste ano, não é preciso esperar por apenas mais seis partidas para escolher os que escaparam da ruindade. Sendo assim, adianto os que, no meu entender, são os eleitos de 2019. Veja abaixo.

Goleiro - João Carlos (CSA)
 
Lateral-direito - Apodi (CSA)
Zagueiro-central-direito - Wellington Carvalho (CRB)
Zagueiro-central-esquerdo - Luciano Castan (CSA)
Lateral-esquerdo - Igor (CRB) 

Meio-campistas

Dawhan - (CSA)
Claudinei - (CRB)
Ferrugem - (CRB)
Matheus Sávio - (CSA) 

Atacantes 

Alexandre - (Jaciobá)
Patrick - (CSA)

Revelação - Victor PB (CSA)

Craque Ferrugem  (CRB)

Técnico - Jaelson Marcelino (Jaciobá) 

Árbitro -  Reinaldo Figueiredo
Assistente - Maxuel Rocha 

Para ser honesto é preciso deixar claro que não assisti a todos os jogos. Alguém que merece estar na lista pode ter passado despercebido. Todos têm o direito de discordar e cada um escala o time que acha melhor. Estes são os que passaram pela minha peneira. Quem estiver com a lista ideal que atire a primeira pedra. Ui!

CSA aposta no meia Madson, ex-Fortaleza

Madson, o novo reforço do CSA


O jogador Madson, que chega ao CSA vindo do Fortaleza, é natural de Volta Redonda, porém também possui nacionalidade italiana. O atleta de 32 anos é um meia ofensivo com passagem pelo Vasco, Santos, Atlético-PR, entre outros. Em 2019 atuou apenas um jogo pelo Fortaleza. Deixa o Estado do Ceará em litígio com o treinador Rogério Ceni (Fortaleza) e vem tentar recuperar o futebol no CSA. Boa sorte!

terça-feira, 19 de março de 2019

Não entrou

 
Cabral chama e fica esperando

Já não é a primeira, nem a segunda, nem a terceira vez, que o apresentador Costa Cabral (Difusora AM/MCZ) chama o plantão Paulinho Guedes e o plantonista não entra no ar. O fato tem se repetido no noticioso Tiro-Livre, que vai ao ar, de segunda à sexta, sempre às 7h. Alguém está dormindo. Quem será? Em tempo. As cabeças (introdução do assunto) do âncora - Costa Cabral - são gravadas no dia anterior, daí quando alguém falha, o erro é dividido com a audiência. Vamos acordar, pessoal!

Gazeta para o Brasil

Gazeta fortalece a marca em nível naional

Muito bom saber que a TV Gazeta/MCZ entrou na grade oficial da operadora Sky, podendo ser sintonizada em qualquer parte do Brasil pelos assinantes. Pioneirismo da emissora da Organização Arnon de Mello que deveria ser seguido pelas demais, afinal tem alagoano em toda parte e seguramente eles querem ver e ouvir o que acontece na Terra dos Marechais. Parabéns!

segunda-feira, 18 de março de 2019

A Final do Alagoano à luz do Regulamento

A finalíssima do Alagoano de Futebol Profissional será disputada em duas partidas com os classificados na Fase Semifinal. O mando de campo do segundo jogo será da equipe que tiver conseguido somar o maior número de pontos em todas as fases (Inicial + Semifinal). Se os finalistas estiverem empatados em pontos, o desempate dar-se-á, na sequência por: maior número de vitórias, melhor saldo de gols, maior número de gols marcados, confronto direto, menor número de cartões vermelhos e menor número de cartões amarelos. Repetindo: isto vale para o mando de campo no segundo jogo.


Extrato do Regulamento:  clique para ver em tamanho maior


E para ser campeão de Alagoas? Maior número de pontos nos dois jogos da final e, em caso de empate, saldo de gols apenas nas duas contendas da final. Se ainda assim o empate persistir, o campeonato será decidido em tiros livres da marca do pênalti. Pronto. Agora ninguém tem mais dúvida de como o Alagoano será decidido. Só erra quem quiser.

CSA e CRB podem jogar pelo empate na semifinal do Alagoano

CRB e CSA não precisarão marcar um gol sequer nos jogos da semifinal do Alagoano para se classificarem para a final do campeonato. O empate por zero classifica os dois grandes de Alagoas, de acordo com o regulamento da competição. Vale lembrar que qualquer empate com gols também classifica CRB e CSA. Só mais uma coisa. Uma vitória e uma derrota com a mesma diferença de gols, independente do placar, também levam os detentores das maiores torcidas de Alagoas para a Fase Final.


Extrato do Regulamento do Alagoano


Segundo a bula da competição, "Em caso de empate  em pontos ganhos nos dois jogos, o desempate será, primeiro pelo saldo de gols nas duas partidas e depois, se o saldo ainda for igual, valerá a melhor campanha na Primeira Fase". Tomando-se por base que CRB e CSA têm melhor campanha do que os adversários, respectivamente, Jaciobá e Coruripe, o empate por zero basta para os dois representantes da Capital, o que significa dizer, que as duas entidades de prática desportiva não precisarão marcar um gol sequer na segunda fase para avançar no torneio, desde que não sofram gol, é claro.

quinta-feira, 14 de março de 2019

Detran não emplaca

Fiquei estupefato com a informação que recebi, dando conta de que o Detran de Alagoas não está emitindo o porte-obrigatório para veículos que estão sendo emplacados pela primeira vez. O problema estaria na sala em que o trabalho de emissão é feito. Uma reforma no local paralisou o serviço desde o Carnaval. Liguei para o Call Center (0800 082 0154) para buscar informação a respeito do problema que atinge um bom número de pessoas. Para minha surpresa obtive como resposta, da atendente que me recepcionou, que ela  não tinha  resposta. "Eu não tenho esta informação, Senhor. Para mim está tudo normal", disse a moça ao telefone.


A marca Detran precisa ser preservada


Não há dúvida que estamos diante de um sério problema de gestão. Se existe uma reforma, reparo, melhoria etc a ser realizado em uma sala do órgão, é primário que se defina outro local para que o atendimento das demandas dos usuários seja feito. Não há que se parar o processo e deixar o cliente esperando. Sinceramente, é uma falha tão básica que chego a duvidar que ainda exista gestor com tamanha incompetência administrativa. Enquanto isso os demandantes seguem esperando que "Deus dê bom tempo". Se continuar assim a atual gestão não emplacará e não conseguirá ser respeitada pela população.

Asa: apenas uma chance

Depois da derrota para o CSA por três a um, na noite dessa quarta, 13, no Trapichão, em Maceió, em partida válida pelo Alagoano de Futebol Profissional, o Asa não tem mais chance de classificação para a semifinal. O resultado é péssimo para o representante de Arapiraca, visto que já perdeu a possibilidade de disputar a Série D, ano que vem. Agora para não jogar o Alagoano de 20 e fechar as portas, a Agremiação está obrigada a conseguir o acesso para a Série C, na disputa da D que empreenderá a partir de maio.


Asa ocupa a sexta posição e já sabe que está fora da semifinal


É agora ou nunca. Ou o Asa sobe ou vai ser um time fora de série. A experiência do CSA, anos atrás, mostra o quão terrível é esta situação. Não abala apenas o Asa. Mexe com toda uma região - Agreste - e respinga até mesmo em vendedores ambulantes e crônica-esportiva. É hora de um movimento gigantesco, em Arapiraca, para que evitemos o caos. o Asa não merece pagar este pecado. Se não subir para a Série C, a entidade de prática desportia poderá mergulhar na maior crise da história do  clube. Vamos acordar e enxergar dois palmos à frente do nariz para que o pior não aconteça. 

Sempre falamos antes, pois comentar depois do fato ocorrido é muito fácil. Mais uma vez o Blog tenta ajudar dando o grito de alerta. Atenção! Atenção! Atenção, Asa! Como diria Luciano Huck, "É agora ou nunca!". 

Não é momento para procurar culpados. O que interessa é pensar daqui para frente. A luta começa, agora, e é preciso que o que não foi feito desde a desclassificação na Série D, ano passado, seja executado a partir deste momento. Se ficar apenas nas infindáveis reuniões que nada decidem, a tragédia poderá se abater sobre Arapiraca. Tenho dito.

quarta-feira, 13 de março de 2019

Régis x drogas: um campeonato difícil

Dói demais saber que Régis, ex-CSA, foi  preso na manhã desta quarta-feira, 13, em Sorocaba, dirigindo embriagado e portando drogas ilícitas. O jogador, de refinado talento, precisa encontrar  um caminho. É o caso típico de dependência química, doença que leva para a sepultura e é de difícil cura. 


Régis, preso em São Paulo

Só nos resta torcer para que Régis consiga ser mais forte que o poder destrutivo das drogas. Já recebeu inúmeras chances para recomeçar e, neste momento, precisa de mais uma. Vale a pena insistir para que ele saia do caminho perigoso que está trilhando. Sempre há uma esperança. Sempre a alternativa vai aparecer. Agora é preciso deixar claro. Ninguém será capaz de recuperá-lo. Somente ele tem o poder para mudar o curso da vida. Que seja forte o suficiente e consiga vencer o principal campeonato da existência dele! Que a conquista seja por goleada! Que as drogas sejam batidas à vista de toda a torcida brasileira!

segunda-feira, 11 de março de 2019

Acea vai revolucionar a crônica-esportiva de Alagoas

 
 
Jorge Moraes fala após ser empossado

Foi eleito por aclamação Presidente da Associação de Cronistas Esportivos de Alagoas, para um mandato de três anos, o jornalista/radialista Jorge Moraes. O pleito aconteceu na tarde desta segunda, 11, no Estádio Rei Pelé, em Maceió, na sala Lauthenay Perdigão. Veja abaixo os novos membros da Acea.

Presidente – Jorge  Moraes

Primeiro Vice-Presidente – Ronaldo da Paz

Segundo Vice-Presidente – Jairo Campos

Diretor Secretário – Sebastião Canuto

Diretor Financeiro – Kennedy Luiz

Vice-Diretor Financeiro – Jhonnisson Jorge de Souza Oliveira

Diretor para Assuntos Nacionais e Internacionais – Fernando  Murta

Diretor de Marketing – Marlon Araújo

Vice-Diretor de Marketing –  Júnior de Melo

Diretor de Imprensa, Informática e Credenciamento – Thiago  Davino

Vice-Diretor de Imprensa, Informática e Credenciamento – Anderson  Dantas

Diretor Social e de Patrimônio – Welython Martins

Diretor Jurídico – Paulo  Ribeiro

Diretor de Esportes e Cultura –  Elísio Silva

Vice-Diretor de Esportes e Cultura – Adaelson Vilela

CONSELHO FISCAL TITULAR

Antônio  Oliveira

Ivaldo  Fragoso

André Braga

CONSELHO FISCAL SUPLENTE

José Otílio Damas dos Santos

César Pita

Jorge Afrânio 

 CONSELHO SUPERIOR

Ailton  Vilanova

Gabriel  Mousinho

Marcos  Silva

ASSESSORIA ESPECIAL DA PRESIDÊNCIA

Jorge Vicente
Wagner Lima
Jorge Henrique (Borjão)

Edmilson Teixeira
Ronildo José

Após a eleição deu-se a posse. O Presidente empossado discursou e informou aos presesntes que, muito em breve, uma atividade esportiva (racha) será incorporada à Acea. Já existe até dia e hora marcados. Será toda quinta-feira, às 20h, em local a ser informado brevemente. Também será criada a seccional Arapiraca, para dar mais vez e voz ao cronista do interior. Outra novidade é  alojamento para as equipes de fora de Maceió que vierem fazer cobertura, na Capital, para que os cronistas não necessitem viajar à noite, evitando perigos iminentes. Também será tentado um convênio com uma entidade que possa oferecer convívio social aos integrantes da Acea. Ah! Vem aí uma nova sala, no Trapichão, maior e com mais conforto para os associados, com TV fechada e telão que poderá ser usado pelas equipes esportivas para fazer tubo. Em entendimento com a administração do Rei Pelé a Acea conseguiu a colocação de bancadas para os equipamentos, e ventiladores em cada cabina da Tribuna Márcio Canuto, que, a partir de julho será administrada pela Acea ou compartilhada com a ACDA, um ano para cada Associação. No ano que a Acea estiver à frente, serão colocadas duas portas de vidro e dois condicionadores de ar, em cada lado do corredor que fica atrás das cabinas, para que o ambiente fique mais agradável. Ainda no espaço haverá um televisor e internet potente para os que estiverem trabalhando no estádio. Ao final do ano haverá duas confraternzações. Uma, em Maceió, e outra, em Arapiraca. Só mais  uma coisa. A próxima eleição da Acea será feita pela internet. O associado vai poder votar no conforto da casa.

Pelo que vimos, acima, nada de extraordinário. Tudo coisa fácil de fazer. Basta ter tino administrativo e vontade de realizar. E isso não falta à diretoria eleita e empossada nesta segunda. Avante, Acea!



 
 

Carlos Pereira agora é Acea

Carlos Pereira é Acea


Carlos Pereira (Difusora AM/MCZ) é mais um cronista alagoano a vestir a camisa da Associação de Cronistas Esportivos devAlagoas.


Paulo Lira ao lado de Jorge Moraes, na Acea

Outro que acaba de se filiar à Entidade é o competente Paulo Lira. A Acea abraça os novos integrantes e os parabeniza pela escolha. 

Duas disputas na Série A

O Brasileiro da Série A vai começar no próximo dia 27 de abril. Vinte clubes disputam a competição. Os seis primeiros colocados garantem vaga na Libertadores da América. Os seis próximos - excluídos os classificados para a Libertadores - jogarão a Sul-Americana, em 2020. Já os quatro últimos colocados serão rebaixados para a Série B.

Alagoas tem como representante o CSA. Em tese, o time alagoano entra na competição para não cair. Também, na teoria, existem clubes que vão para a competição para lutar pelas vagas na Libertadores ou Sul-Americana. Sendo assim, antevejo dois campeonatos sendo disputados dentro da Série A. O primeiro entre os que almejam as competições continentais e um segundo entre os que lutam para sobreviver. Mais uma vez repito. Tudo no campo da hipótese. Dessa forma e, supondo, apresento as "duas ligas", dentro da A. Vejam a tabela abaixo.


Hipótese para a Série A


Desta forma o CSA tem que lutar com sete adversários por três vagas para evitar ficar entre os quatro últimos do certame. Vamos combinar! Se jogar um pouco mais do que tem apresentado até o momento tem plenas condições de fazer frente à Avaí, Bahia, Ceará, Chapecoense, Fortaleza e Goiás. Só para encerrar, reafirmo que tudo o que foi colocado aqui está no campo da  suposição. Com a bola rolando a conversa é outra e cabe a cada equipe fazer o melhor para desempenhar um bom papel na disputa. Tenho dito.

sexta-feira, 8 de março de 2019

Difusora sacudiu o clássico

Seleção do Povo na linha de Costa Cabral


Ouvi a abertura de jornada para o clássico entre CSA x CRB, nessa quinta, 8, pela Difusora AM/MCZ e gostei do que escutei. Um trabalho leve, alegre, solto e vibrante, muito bem ancorado pelo plantão Paulinho Guedes. A participação do repórter Oscar de Melo acrescentou bastante à jornada. Todos estiveram muito bem na transmissão. Parabéns pelo belo trabalho!

CSA x CRB: futebol piriquiti

Mais uma vez CSA e CRB frustram as duas maiores torcidas de Alagoas ao empatarem por zero, nessa quinta, 8, no Trapichão, em Maceió, em jogo válido pela Copa do Nordeste. Toda a esperança depositada, antes do jogo, nas duas equipes, foi transformada em decepção após o encerramento do clássico.


Jogadores decepcionam em mais um empate sem gols (Foto: Ailton Cruz/GA)


Claro que o fato não acontece, mas até parece que os dois técnicos conversam secretamente um dia antes do jogo e combinam para empatar por zero, um resultado que acaba garantindo o emprego de todo mundo. Outra coisa. A continuarem nesta toada, independente do esforço das duas diretorias no sentido de qualificar as equipes para o Campeonato Brasileiro, o futuro parece sombrio. Antevejo o CSA rebaixado para a B e o CRB para C. É hora de acordar e melhorar as atuações dentro do campo. Do jeito que está, os representantes de  Alagoas nas duas competições  nacionais serão motivo de chacota. Sacudida, já! Como diria Jurandir Costa, os dois grandes de Alagoas estão jogando um "futebol piriquiti".

quinta-feira, 7 de março de 2019

Clásico vale liderança para o CSA

Uma vitória do CSA contra o CRB, nesta quinta, 07, pela Copa do Nordeste , no Trapichão,  jogo que começa às 21h30min, colocará o Centro Sportivo, no mínimo, na segunda posição no Grupo B, visto que o Bahia - segundo colocado - soma 9 pontos. O CSA é o terceiro com 8 pontos positivos.

Se, por ventura, conseguir uma vitória por uma diferença de quatro gols - fato extremamente improvável - chegará ao primeiro lugar na tábua de classificação, superando o líder Ceará no saldo de gols. 

Pode-se afirmar as duas situações acima por conta de o Ceará e o Bahia já terem jogado pela quinta rodada da Copa do Nordeste. E parece que o CSA vai partir para cima do CRB em busca da vitória. Marcelo Cabo deve escalar um time altamente ofensivo, com dois laterais que apoiam bastante (Apodi e Carlinhos) e, do meio para frente jogadores que têm na criatividade, na velocidade e na finalização suas principais características. São eles: Didira, Matheus Sávio, Robinho, Manga Escobar e Patrick Fabiano.

Como o CRB precisa vencer para entrar na zona de classificação do Grupo A, muito provavelmente teremos um clássico repleto de emoções e com a rede balançando dos dois lados. A expectativa de um emocionante jogo deve levar muita gente ao Rei Pelé. Vale lembrar que o mando de campo é do CSA, que colocará 70% do público presente ao estádio. Espera-se que todos os ingressos sejam vendidos.

A marca Gazeta vai para o ar?

A Gazeta AM/MCZ está em processo de migração para a FM. A emissora da Oragnização Arnon de Mello já pode ser ouvida em 98.3, na Frequência Modulada. E pelo que se ouve no ar, vai adotar mesmo o nome de 98 FM. 


Gazeta, uma marca na mente da população


Diante do fato, duas coisas saltam aos olhos. A primeira é como ficarão os nomes dos programas que carregam o Gazeta, a exemplo do Gazeta Manhã, Gazeta Esportiva, Gazeta Comunidade. Manterão a brand  ou serão chamados de 98 Manhã, 98 Esportiva, 98 Comunidade! A segunda e principal é desconhecer a marca Gazeta, extremamente forte e consolidada. Eu não mexeria em um símbolo tão robusto como o Gazeta. Para mim a solução seria simples. Bastaria acrescentar um news ao nome. Assim surgiria forte e imponente a Gazeta News, para diferenciar da Gazeta FM. Fica a sugestão e o respeito a qualquer definição que for tomada pelo marketing da emissora.

Os japoneses são os melhores e aqui está a razão

Educação é tudo


Li em um estudo a respeito de ética que estou fazendo e resolvi compartir com vocês. O texto é da legenda de um vídeo compartilhado no Facebook, por um jovem japonês.

O Japão é incrível por inúmeras razões, mas minha parte favorita pode ser resumida em três palavras: consideração pelos outros. No Japão, as pessoas agem com o outro em mente, ao invés de pensar apenas em si mesmos. Por exemplo, algo simples como deixar as pessoas passarem na escada rolante. Em outros países, você pode colocar placas e as pessoas continuarão não obedecendo. No Japão, todo mundo faz automaticamente a coisa certa para tornar a vida mais fácil para todos. E é assim com tudo. Você pode cochilar no metrô lotado porque as pessoas ficarão quietas. Você pode desfrutar de ruas limpas porque as pessoas não sujam. Você pode se sentir como uma realeza porque as pessoas irão atendê-lo  com um sorriso e reverência. A cultura do respeito cria uma atmosfera incrivelmente segura que leva a milagres modernos. Em um café movimentado você pode deixar seu celular ou laptop na mesa, que  não será furtado. Você pode estacionar sua bike lá fora e ela continuará lá até você voltar. Você pode até encontrar motos estacionadas com a chave na ignição. Quando você cultiva uma sociedade em que as pessoas estão conscientes da presença das outras, a vida é melhor para todos. É uma lição que o resto do mundo pode aprender com o Japão.
(DK Human - Facebook)

E aí! Sentiu-se tocado pela lição? Quer melhorar a sua vida? Então comece agora. Existem coisas simples, que demandam apenas boa vontade. Não estacione na vaga para pessoas com necessidades especiais. Sempre dê preferência a idosos, gestantes, crianças etc. Não estacione/pare em local proibido. Seja cortês no trânsito. Use o tempo todo as palavrinhas mágicas: com licença, por favor e obrigado. Não estenda a mão a outra pessoa quando a mão estiver suja. Não obstrua os cruzamentos das ruas. Não avance no sinal amarelo. Respeite a faixa do pedestre e não pare em cima dela. Não dê carteirada em eventos públicos. Não fale no imperativo. Ajude os que têm deficiência visual a atravessar a rua. Não pegue uma unidade de algo que está à venda em local público e saia comendo. Evite buzinar desnecessariamente. Não fique no meio da escada/esteira rolante impedindo os outros de passar. Não brigue com o torcedor do time adversário. Atenda com elegância. Esqueça a famosa "Você sabe com quem está falando?". Não odeie quem pensa diferente de você. Evite reclamar e agradeça tudo que acontece com você, afinal todas as coisas que surgem na sua vida são para o seu crescimento, principalmente as ruins. Não tenha vergonha de pedir desculpa. Reconheça quando errar. Compartilhe as boas práticas com as pessoas. Escute o semelhante com paciência. Elimine o preconceito. Não atrapalhe quem está comendo. Respeite o sono alheio. Não fale gritando. Não converse dentro do elevador quando na presença de outras pessoas. Não palite os dentes em lugar público. Não mastigue com a boca aberta e emitindo ruídos. Quando a porta do elevador abrir não avance de imediato para entrar, pois alguém poderá estar saindo. Não utilize o elevador social em trajes de banho ou de atividade física. Apague a luz e desligue o condicionador de ar ao sair de um ambiente. Não coloque o som muito algo para não incomodar o vizinho. Não cultive a "onda dos paredões". Trate as pessoas com urbanidade. Respeite os animais. Desligue o celular em audiências, espetáculos, reuniões etc. Não espalhe fake news. Respeite o culto do próximo. Trate igualmente todas as raças. Tenha etiqueta em tudo na sua vida...

A lista é longa e, mesmo assim, muito mais atitude positiva poderia ser acrescida a ela. Mas vamos ficar por aqui. O importante é saber que o seu problema não é culpa dos outros. Ele é seu e somente você pode encontrar a causa e eliminá-lo. Se você mudar o seu comportamento, mudará a sua vida para melhor. Se todos mudarmos nossas atitudes, mudaremos o planeta. Então, que tal começarmos agora!