.

.

quarta-feira, 22 de março de 2017

Pistoleiro em Arapiraca

 
José Orlando promete sacudir a Terra do Fumo


Em maio, Arapiraca vai parar. É que no dia 06, às 21h, no Clube dos Fumicultores, acontecerá um megashow com o cantor José Orlando - O Pistoleiro do Amor - e a cantora  Elaine Kundera. Os ingressos estão sendo vendidos nos seguintes locais: Clube dos Fumicultores, Escritório Comedoria, Bake Burguer, Acesso Vip Arapiraca, Foto Nacional e  Estacionamento do Abel, todos em Arapiraca.

segunda-feira, 20 de março de 2017

A geometria do futebol

Fig 1. Um trapézio e dois triângulos

Tem chamado atenção de todos a nova forma utilizada pelos comentaristas para descrever uma partida de futebol. A grande maioria vai buscar na geometria imagens para emoldurar as palavras, daí novos termos estarem incorporados a moderna forma de comentar. 


Fig. 2 Triângulo invertido


Fazem parte do cardápio o triângulo, o triângulo invertido, o trapézio invertido, o losango etc. O ouvinte enlouquece quando ouve tais termos porque eles não são acompanhados de uma explicação que deixe claro do que se trata. Há também alguns casos onde se fala a figura errada. É comum trocar o triângulo pelo losango, quando da formação com três volantes e um meia (triângulo - fig. 3). Outra possibilidade de surgimento de um triângulo é quando o técnico monta o time com dois volantes e três meias (fig. 5).


Fig. 3 Triângulo


Como podemos perceber  nas ilustrações, as situações são muitas. O trapézio é formado com quatro beques e dois volantes. Quando se transforma os laterais em alas e eles passam a jogar na segunda linha junto com os volantes, temos o trapézio invertido.


Fig. 4 Trapézio invertido     





Também existe a possibilidade de se formar um triângulo centralizado quando se atua com cinco atletas no setor de meio-campo, sendo dois volantes e três meias. Neste caso o trilátero é imaginariamente formado pelos volantes e o meia centralizado.


Fig. 5 Triângulo centralizado 

No 4-3-3  temos a possibilidade de criar o losango - existem outras -, desde que se atue com um volante e dois meias (fig. 6). O que não dá para chamar de losango (fig. 3), como dito acima, é o meio-campo com três volantes e um meia. Neste caso específico a imagem não bate com a figura desenhada mentalmente pelo comentarista.


Fig. 6 Losango

Não está tão difícil comentar, não. Basta explicar como se dá a montagem da figura descrita. Aí o torcedor vai parar de reclamar que não está entendendo nada. Espero que tenha conseguido me fazer compreendido!

quinta-feira, 16 de março de 2017

Já está fedendo

Na era dos "pardais" escondidos no ninho, prontos para fotografar os motoristas que circulam em Maceió, para que sejam multados por trafegar em uma velocidade um pouco superior aos 40Km/h, um fato repetitivo é desconsiderado pelos fiscais da SMTT. O abuso praticado pelos ônibus de turismo que estacionam, diariamente, no meio da rua, em frente aos hotéis da Capital alagoana. 


Atrevimento: ônibus de turismo parado no leito da rua, na Pajuçara


Por que será que a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito não atua com firmeza no sentido de desafogar o tráfego na área! Qual o motivo de os guardas fazerem "vista-grossa" para um fato que é escandaloso? Existe algum acordo nebuloso entre a SMTT e as operadoras de turismo!

Sabemos que o turismo é importante para a cidade. Sabemos também que o turista deve ser tratado com todo o conforto. É fato que a atividade deixa divisas em Alagoas. Todas as vantagens advindas por conta dos visitantes são conhecidas de todos, mas elas não podem justificar a bagunça gerada no trânsito em todos os inícios de manhã e finais de tarde. A coisa está mal parada e precisa ser bem explicada, porque já existem razões de sobra para se desconfiar que "tem algo mais no ar do que avião de carreira". Ordem, já!

quarta-feira, 15 de março de 2017

Ingressos do Alagoano já podem ser comprados pela internet

Por assessoria FAF

A Federação Alagoana de Futebol, em parceria com o grupo DataClick, passa a vender ingressos online para os jogos do Alagoano 2017. O torcedor pode comprar as entradas pelo   sítio-eletrônico da empresa. O pagamento pode ser feito por cartão de debito ou crédito (Cielo, Elo, Visa, Master Card, Diners, Diners Club International, Aura, Jcb e Discover). O primeiro jogo com venda online será  Santa Rita e CRB, no próximo domingo, 19, às 16h, no estádio Olival Elias de Moraes, em Boca da Mata. 


Torcedor terá mais comodidade para adquirir o ingresso
 

Para o presidente da Federação Alagoana de Futebol Felipe  Feijó a nova modalidade de venda vai facilitar o acesso do torcedor ao estádio. “Temos sempre conversado com os clubes para tomar iniciativas em prol do torcedor. Esta é uma medida que vai contemplar, principalmente, os torcedores visitantes, que vão poder garantir o ingresso com antecedência ao dia do jogo”.

Como comprar

O torcedor acessa o site,  realiza um cadastro,  cria uma conta e fica apto para adquirir o ingresso, que deverá ser impresso para  ser apresentado na bilheteria do estádio. Para o jogo entre Santa Rita e CRB só está liberada a venda de entradas no valor de R$ 25.

segunda-feira, 13 de março de 2017

Uma determinação que divide

Uma determinação do Tenente-Coronel, Moura, Comandante  do 4º BPM, causa estranheza pela segregação entre oficiais e "demais militares". Divide os policiais entre dois grupos, onde um tem "privilégios" e o outro que seja obrigado a ficar com a pior parte.


Determinação causou desconforto entre os praças


O "cumpra-se" foi decretado no último dia 10  e diz que os oficiais "deverão estacionar na parte coberta", enquanto que "os demais militares deverão estacionar no espaço compreendido entre o auditório e a retaguarda do Batalhão". Dói na alma ler o que foi publicado, visto que a ideia remonta aos tempos de quando, nas corporações, as pessoas eram divididas em castas, onde privilegiados tudo podiam e os pobres mortais tinham que se contentar com as migalhas, fato que gerou e tem gerado um clima organizacional nada favorável ao local onde os seres-humanos passam a maior parte de suas vidas.

Ao tempo em que estranho, entendo a posição do Comandante do Batalhão, visto que é relatada na literatura. O assunto foi tratado pelo sóciólogo estadunidense, Robert King Merton, que descreveu muito bem as disfunções da burocracia. Entre elas encontramos a "Exibição de sinais de autoridade", que se verificam nos diferentes tipos de uniformes, diferentes tamanhos de mesas e poltronas, localização da sala, do banheiro, do estacionamento, do refeitório etc, portanto, a decisão do Comandante do 4º BPM já foi estudada e mapeada. Cabe a nós, seres da modernidade, viventes do Século XXI, acabarmos com estes inaceitáveis "sinais de autoridade", que servem apenas para dividir e separar pessoas que estarão novamente juntas no túmulo. 

E não pensem que o  apartheid do estacionamento é exclusivo da Polícia, porque não é.  Não precisaremos procurar muito e encontraremos em empresas da vida civil mazelas idênticas a relatada neste post, o que ao meu ver é ainda mais danoso, visto que no mundo paisano as divisões chegam a acontecer, até, entre colegas do mesmo nível hierárquico. Fico imaginando Jesus, o Cristo, chegando com uma lambreta velha para estacionar e o deus da empresa dizendo: "Ah! Vá estacionar sua mer.. bem longe daqui". Somente o atraso espiritual dos viventes no planeta pode explicar barbaridades como esta. Ufa!

sexta-feira, 3 de março de 2017

Asa consegue classificação em noite terrível

Em uma noite em que jogou bola de gude, o Asa garantiu a classificação para o hexagonal do Alagoano ao vencer o Murici, nessa quinta, 02, por um a zero, gol marcado por Téssio, aos 14 minutos do primeiro tempo, em partida disputada no Fumeirão, na cidade de Arapiraca, Alagoas. 


Asa, encolhido, assistiu ao Murici jogar (Foto:GE)


Tirando o gol, o Asa chutou apenas mais duas bolas com perigo contra a meta do goleiro Dias, que praticou boas defesas nos lances. Em contrapartida o representante de Arapiraca tomou duas bolas na trave e teve no goleiro Cetin o grande nome da partida, praticando duas defesas fenomenais no primeiro tempo e uma outra que garantiu o zero, aos 49 da segunda etapa.

Mesmo classificado o Asa vai precisar melhorar o futebol apresentado se estiver mesmo pensando em ser  campeão alagoano. Parece até um contrassenso para uma equipe que atingiu a classificação com três rodadas de antecipação, mas é fato. Tem dia que joga mal e vence, mas esta não é uma toada segura. O normal é jogar bem e vencer, apesar de não ser regra.  Por outro lado não deixa de ser maravilhoso o fato de conseguir o resultado positivo em uma jornada em que o time foi muito mal, afinal de contas é sempre bom vencer. Mesmo assim não podemos esquecer que as vitórias escondem muitas falhas e, no caso específico, a conquista do Asa não colocou debaixo do tapete a medíocre atuação da equipe, totalmente envolvida pelo Murici durante a partida.

quinta-feira, 2 de março de 2017

Asa quase lá

 
Marca Asa pode ficar mais forte com a conquista antecipada


Uma vitória do Asa contra o Murici, na noite desta quinta, 02, no Fumeirão, dará antecipadamente a classificação para o hexagonal do Alagoano deste ano ao representante de Arapiraca . Em se concretizando o resultado, o Asa chegará aos 18 pontos com seis vitórias. Dentro desta hipótese, o CSE (quarto colocado do Grupo B) só atingiria os mesmo 18 pontos em vencendo os três jogos restantes, mas ficaria com apenas cinco vitórias, o que daria uma das três vagas ao Asa pelo primeiro critério de desempate (número de vitórias), mesmo que o alvinegro venha a perder as outras três partidas que restam a disputar.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Copa do Brasil: Asa foi gigante diante do Coritiba

O Asa representou com altivez o futebol de Alagoas, nessa quinta, 23, jogando no Couto Pereira, em Curitiba, contra o Coritiba, em partida válida pela segunda fase da Copa do Brasil, quando venceu por dois a zero e obteve classificação para a terceira etapa da competição.


Coritiba esbarrou na boa marcação da defesa do Asa (Foto: Coritiba)


O jogo foi bem dividido entre primeira e segunda etapa. No tempo inicial o Coritiba teve mais a posse de bola, foi para cima do time de Alagoas, mas acabou sendo neutralizado pela zaga do alvinegro. Construiu apenas uma real oportunidade de gol, logo aos dois minutos, através de uma cobrança de falta do lateral-esquerdo Carlinhos, bem defendida pelo goleiro Cetin. O visitante se defendeu muito bem e ao final do primeiro tempo abriu o placar com um gol de cabeça do zagueiro Eron. Foi cirúrgico e teve um vestiário mais alegre que o Coxa.

No segundo tempo foi a vez de o Asa dar as cartas e propor o jogo. O Coritiba mostrou-se muito afobado, o que favoreceu o Asa que tocou a bola com inteligência no campo do oponente e foi deixando o tempo passar. Com o andar dos ponteiros o representante do Paraná foi perdendo o controle e se permitindo golpear pelo antagonista. Dessa forma o Asa conseguiu uma falta na entrada da área, sofrida pelo atacante Mandacaru, que acabou com a brilhante cobrança do atacante Kível, no ângulo do goleiro Wilson, tornando a vitória maior e mais bonita. 

Coritiba e Asa passa a ser um jogo que entra para a história do clube alagoano, em que Eron e Kível escrevem uma bela página com a camisa preta e branca. Os dois gols valeram R$ 680 mil para o combalido cofre da Agremiação, um dinheiro que chega em boa hora para refrescar o juízo de quem é responsável por pagar as contas. Todos estão de parabéns e merecem o carinho do torcedor de Arapiraca. Agora o Asa espera pelo vencedor de  Paraná x Bahia  para saber quem será o adversário na terceira fase da CB. Pelo que senti, em Arapiraca, o Bahia é o adversário preferido pela Cidade.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Letícia está nua

A ex-apresentadora, do Fox Sports, Leticia Wiermann, 30 anos, filha do consagrado José Luis Datena (Band), será capa da revista Playboy de março.  "Sempre tive uma admiração por esse tipo de trabalho. Resolvi fazer agora por conta dessa nova fase da Playboy", disse a moça ao sítio-eletrônico Uol.  


Letícia vai tirar a roupa (Foto: André Schiliró)


A partir da edição de março, a Playboy Brasil passa a ser trimestral.  Lançada no Brasil há 42 anos,  deixou de circular em dezembro de 2015 e voltou através da PBB Entertainment – empresa criada pelo fotógrafo de moda André Sanseverino e os empresários Marcos de Abreu e Edson Oliveira. Vamos aguardar pelas curvas da bela.

Conheça a premiação da Copa do Brasil

Avançar de fase na Copa do Brasil representa muito mais do que o simples fato de se aproximar das etapas mais decisivas, significa que o clube estará recebendo gordas premiações por participação em cada uma delas. As entidades de prática desportiva já jogam a primeira fase recebendo para tal, visto que o dinheiro não é por classificação e sim por participação. Assim sendo, de fase em fase, o campeão vai colocar nos cofres um dinheiro que ajudará a amenizar os seriíssimos problemas econômico-financeiros que todos enfrentam no atual estágio do futebol brasileiro. 


Clique na imagem para ver em tamanho maior


Entenda como funciona a gratificação. As entidades foram divididas em três critérios:

Critério 1 - Classificados para a Libertadores 2017 e campeões das Copas: Nordeste e Verde, além do Campeão da Série B, os três últimos, em 2016.

Critério 2 - Clubes oriundos dos estaduais.

Critério 3-  Clubes que entraram pelo ranking da CBF.
Para os representantes de Alagoas que ainda estão na disputa a situação é a seguinte. O Murici já garantiu R$ 1.620.000, enquanto que o Asa, se passar pelo Coritiba, na noite desta quinta, 23, garantirá mais R$ 680 mil. Até o momento já embolsou R$ 565 mil. Pena que CSA e CRB já estão fora da disputa e ficaram apenas com R$ 440 mil, cada.
 

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Hermano Henning deixa SBT

Depois de trabalhar por longos 23 anos com Silvio Santos, o jornalista Hermano Henning deixará o SBT por conta de a emissora não ter renovado o contrato do  âncora do SBT Brasil. A despedida será no próximo sábado, 25.

 
Henning sairá da telinha do SBT

Hermano é a terceira baixa no jornalismo do SBT este ano. Já haviam recebido o famoso bilhete-azul Joyce Ribeiro e Patricia Rocha, que dividiam o comando do jornal Primeiro Impacto com o apresentador Dudu Camargo. Quem será o(a) próximo(a)?