.

.

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Tá na boca do povo

Tá na ponta da língua


Tenho escutado de gente boa um pequeno escorregão na língua portuguesa, um pequeno descuido que não passa despercebido ao ouvido mais atento. Refiro-me à concordância quando o sujeito é formado por um coletivo. O correto é que o verbo concorde com o artigo que antecede o coletivo. Abaixo alguns exemplos.

O bando visitava o palácio deserto (correto). 
O bando visitavam o palácio deserto (errado).
 
A multidão saiu  aos gritos (correto).
A multidão saíram aos gritos (errado).

O elenco resolveu boicotar o treinador (certo).
O elenco resolveram boicotar o treinador (errado).
 O Blog não é o dono da verdade, nem tem a menor pretensão de ser, mas em determinados momentos a norma culta há de ser respeitada. Tenho dito.